Jornal Praticidade - Notícias em Taboão da Serra e Região

Por onde anda a oposição ao atual Prefeito de Taboão da Serra

Por onde anda a oposição ao atual Prefeito de Taboão da Serra

O prefeito Fenando Fernandes está empoderado na impunidade ampla, geral e irrestrita graças a falta de oposição oficial. O prefeito tucano de carteirinha manda e desmanda na cidade, que vive um dos momentos mais caóticos de sua história.

Com a Câmara dos Vereadores, em tese responsável pela fiscalização dos atos do prefeito e de seus seguidores, o prefeito mantém uma sólida base de sustentação que ajoelha e reza em sua cartinha na hora em que ele bem entende. A oposição, se existe, é quase invisível. Manda quem pode, obedece quem tem juízo. Com a anuência e o beija mão da maioria dos vereadores o prefeito não cumpriu os dias melhores prometidos em Campanha desde seu primeiro mandato.

Ao andar pela cidade, só se vé buracos nas ruas a administração  transformou a vida dos habitantes num inferno mas, o “digníssimo”,  posa para fotos sorrindo como se tudo estivesse bem encaminhado.

Graças a apatia proposital e oportunista da maioria dos vereadores, em vez de resolver os graves problemas deixa  o prefeito, fazendo o que bem entende. Ou seja, a monarquia reina em Taboão da Serra, onde a população, indignada, paga um dos mais caros IPTUs com o beneplácito da maioria na Câmara dos Vereadores, parceira fiel desse show de horrores.

Vem ai eleições 2018 e nessa segue a pergunta. Se sua mulher o decepcionasse profundamente, você iria casar com ela outra vez?

Por que, então, a maioria dos eleitores de Taboão da Serra que se sentem traídos por essa classe de políticos, continuariam a votar nos mesmos? É masoquismo crônico ou estupidez atávica reconduzir ao poder gente com esse perfil, governo que aumenta e aumenta a da dia o déficit fiscal e a desigualdade social, enriquecendo as classes privilegiadas , em lugar de realizar as reformas básicas de cidadania? Eleitor você votou  e se ainda está vivo é porque o arrependimento não mata.

A luz no fim do túnel, a meu ver, só poderá aparecer com as eleições de 2018 se, até lá, as forças vivas da nossa querida Taboão da Serra  conseguissem realizar uma intensa campanha de esclarecimento popular, focando a necessidade de uma renovação completa da classe política. Não canso de dizer que, na atual conjuntura, não há político  merecedores de nossa confiança : quem não é pessoalmente corrupto é cúmplice ou omisso. Os eleitores deveriam tomar consciência de que vender seu voto em troca de um favor qualquer é um péssimo negócio. O político corruptor usará o dinheiro de nossos impostos para se enriquecer, desviando os recursos que deveriam ser destinados às necessidades básicas da sociedade. Somente colocando no poder gente nova, honesta e competente, poderemos realizar as reformas necessárias: política, tributária, previdenciária, trabalhista, educacional.  Eleições  2018 nos fornecerão esta oportunidade. Dois grandes gênios da humanidade, Albert Einstein e Martin Luther King, já nos alertaram: pior de quem faz o mal é quem silencia, não tomando providências!

 vamos aguardar com “ansiedade” mais um anúncio dos grandes atores do filme “Metrô Taboão da Serra”.

Autor: Redator Oficial Jornal Praticidade


Notice: the_author_description está obsoleto desde a versão 2.8.0! Use the_author_meta('description') em seu lugar. in /home/praticidade/public_html/wp-includes/functions.php on line 3832
Jornal PratiCidade notícias diárias Taboão da serra e região Embu das Artes, Itapecerica da Serra, São Lourenço da Serra, Juquitiba, Embu-Guaçu, e São Paulo /jornalista responsável pelo site - Gilson Santos Jornalista responsável edição impressa - Gerson Brunes dos Santos Matérias não assinadas, não refletem, a opinião do site. Cópias são autorizadas, não modificando o conteúdo citar fonte.

0 Comentários

Deixe o seu comentário

Estes campos são obrigatórios *

História do jornal Praticidade, utilizar por volta de três ou quatro linhas para compor este paragráfo, para fins estéticos e de diagramação deste.

Galeria social